Aécio Neves é o maior “peixe”da lista do Janot

Lista do Janot-amorimPor Amorim Sangue Novo

Por volta de 20:50 desta sexta (6) foi liberada a lista dos políticos recomendados pela PGR Procuradoria-Geral da República para a abertura de inquérito por envolvimento no esquema de corrupção investigado pela Operação Lava Jato. Os nomes foram anunciados pelo ministro Teori Zavascki, relator no STF da investigação, acatando o seu despacho pedido pelo procurador-geral Rodrigo Janot.

Ao todo,são 22 deputados federais, 12 senadores, 12 ex-deputados e uma ex-governadora.

Entre os partidos destes estão o PMDB, PP, PSDB, PT, PTB e SD.

 

Veja a lista de investigados:

– Aguinaldo Borges

– Aline Corrêa

– Anibal Ferreira Gomes

– Anibal Gomes (PMDB) – deputado federal

– Antonio Anastasia (PSDB) – Senador e ex-governador de Minas Gerais

– Antonio Palocci (1ª instância) – ex-ministro da Fazenda

– Arthur Lira (PP) – deputado federal, presidente da CCJ da Câmara

– Benedito de Lira

– Cândido Vaccarezza (ex-deputado do PT)

– Carlos Magno Ramos

– Dirceu Esperáfico

– Edison Lobão (PMDB) – senador

– Eduardo Cunha (PMDB) – deputado federal, presidente da Câmara

– Eldo Pizolatti

– Fernando Collor de Mello (PTB) – senador

– Gleisi Hoffmann

– Humberto Costa (PT) – senador

– João Pizzolatti (PP) – deputado federal

– José Mentor – ex-deputado federal do PT

– José Olímpio Moraes (PP) – deputado federal

– Lázaro Martins (PP) – deputado federal

– Lindbergh Farias (PT) – senador

– Luiz Argôlo (SD) – ex-deputado

– Mário Negromonte (ex-PP) – conselheiro do TC da Bahia

– Pedro Corrêa – ex-presidente do PP

– Pedro Henry – ex-deputado do PP

– Renan Calheiros (PMDB) – senador, presidente do Senado

– Renato Egídio –

– Roberto Coutinho da Fonte

– Romero Jucá (PMDB) – senador

– Roseana Sarney (PMDB) – ex-governadora

– Simão Sessim (PP) – deputado federal

– Valdir Raupp (PMDB) – senador

– Waldir Maranhão (PP) – deputado federal

Arquivado

– Aécio Neves /PSDB

– Alexandre Santos

– Ciro Nogueiro

– Delcídio Amaral

– Henrique Eduardo Alves

Abaixo a matéria do STF sobre a lista:

Ministro Teori Zavascki autoriza abertura de inquérito e revoga sigilo em investigação sobre Petrobras

O ministro do Supremo Tribunal Federal Teori Zavascki deferiu nesta sexta-feira 21 pedidos de abertura de inquérito feitos pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, referentes a autoridades com prerrogativa de foro e outros possíveis envolvidos em investigação cujo foco principal são desvios de recursos da Petrobras.

Em todos os casos, o ministro revogou o sigilo na tramitação dos procedimentos, tornando públicos todos os documentos. A instauração de inquéritos foi considerada cabível porque há indícios de ilicitude e não foram verificadas, do ponto de vista jurídico, “situações inibidoras do desencadeamento da investigação”.
Para o ministro Teori, “o modo como se desdobra a investigação e o juízo sobre a conveniência, a oportunidade ou a necessidade de diligências tendentes à convicção acusatória são atribuições exclusivas do procurador-geral da República”, cabendo ao Supremo Tribunal Federal “na fase investigatória, controlar a legitimidade dos atos e procedimentos de coleta de provas”.

O ministro ressaltou que a abertura de inquérito não representa “juízo antecipado sobre autoria e materialidade do delito”, principalmente quando os indícios são fundados em depoimentos colhidos em colaboração premiada: “Tais depoimentos não constituem, por si sós, meio de prova, até porque, segundo disposição normativa expressa, nenhuma sentença condenatória será proferida com fundamento apenas nas declarações de agente colaborador (art. 4º, § 16, da Lei 12.850/2013)”.

Arquivamentos

Referentes ao mesmo tema, foram deferidos ainda seis pedidos de arquivamento de procedimentos preliminares que tramitavam em segredo de justiça. Nas decisões, o ministro argumenta que, de acordo com a jurisprudência da Suprema Corte, é irrecusável, por parte do Tribunal, pedido de arquivamento apresentado pelo procurador-geral da República, ainda que possa eventualmente considerar improcedentes as razões invocadas.

Segredo de Justiça

Todos os procedimentos relacionados à citada investigação, inclusive os que foram arquivados, tiveram o sigilo revogado, por decisão do ministro relator Teori Zavascki, tendo em vista “não haver interesse social a justificar a reserva de publicidade”. “Pelo contrário: é importante, até mesmo em atenção aos valores republicanos, que a sociedade brasileira tome conhecimento dos fatos relatados”, argumentou o ministro. O ministro ressalvou que a lei impõe regime de sigilo ao acordo de colaboração premiada até a decisão de recebimento da denúncia. No entanto, nesses procedimentos, considerando que os colaboradores já têm seus nomes expostos publicamente, pois são réus em ações penais com denúncia recebida, e que o próprio Ministério Público manifestou desinteresse na tramitação sigilosa, “não mais subsistem as razões que impunham o regime restritivo de publicidade”.

/

Vossa excelência o scambau

rambo-sylvester-stallone-1080p-hd-wallpaper-moviesO termo vossa excelência vem do latim (excellentia) é o estado ou qualidade de excelente, muito bom e de grandeza.

E desde quando político é excelente?

Então que, principalmente, meus leitores me perdoem e os políticos tenham ciência:

Vossa Excelência o scambau

/

Silvio Santos perde, em fortuna, para para Edir Macedo

silvio santos e edir macedo -amorim
Por Amorim Sangue Novo

De acordo com a lista da Forbes Silvio Santos deixa de ser bilionário e perde para Edir Macedo

A diferença é que o “peru que fala” vende carnês que fazem as pessoas sonhar em ganhar dinheiro, já o “velha raposa” vende a ilusão de ganhar dinheiro, para ganhar dinheiro. Inclusive o Edir Macedo lançou um livro com o título “Nada a Perder”, com certeza ele não perde mesmo, basta dizer que o Nada a Perder 2 bate novos recordes de vendas em países como Argentina, França e Portugal

Silvio Santos deixa de ser bilionário e perde para globais e Edir Macedo

Silvio Santos não é mais bilionário. O apresentador e dono do SBT deixou a lista de bilionários brasileiros da Forbes, conceituada revista de negócios dos Estados Unidos, divulgada nesta semana. Até 2014, o empresário aparecia entre os mais ricos do país com US$ 1 bilhão em patrimônio. Em 2015, ficou de fora e viu seus rivais Edir Macedo, Roberto Irineu, João Roberto e José Roberto Marinho permanecerem no ranking.

A alta do dólar, que nesta semana bateu nos R$ 3,00 e chegou ao maior valor desde setembro de 2004, pode ser uma das causas da queda de Silvio Santos na Forbes. Em 2013, o animador aparecia com US$ 1,3 bilhão. No ano seguinte, perdeu US$ 300 milhões. Neste ano, saiu do ranking. O número de brasileiros na lista também caiu, de 65 em 2014 para 54 neste ano.

Enquanto a Forbes excluiu Silvio Santos da lista, a publicação manteve os concorrentes do apresentador. Os três herdeiros de Roberto Marinho (1904-2003), fundador da Globo, aparecem, respectivamente, na quinta, sexta e sétima posições, com US$ 8,2 bilhões. Estão em 165° no ranking geral.

Líder da Igreja Universal do Reino de Deus e dono da Record, o bispo Edir Macedo acumula uma fortuna de US$ 1,1 bilhão, segundo a publicação norte-americana, e é o 1.638° bilionário mais rico do mundo. O religioso estreou na Forbes em 2014 com a mesma quantia.

Postado no UOL

 

/