Tasso Jereissati ainda não se curou dos ataques de Aloysio Nunes

Incômodo no ninho abranda, mas não cessa

Tudo passa, menos a raiva de Tasso Jereissati por Aloysio Nunes Ferreira.

Apesar de o clima ter melhorado no PSDB, o presidente da sigla ainda não conseguiu digerir as frases do chanceler atacando a cúpula tucana, que defende o desembarque do governo.

Da redação com Veja

‘Partido está desembarcando por si mesmo’ diz Tasso

Presidente interino do PSDB diz que “o desembarque do partido está acontecendo mesmo sem uma definição de seus caciques”

“Apesar de uma reunião inconclusiva de mais de quatro horas da cúpula do PSDB sobre uma saída dos tucanos do governo Michel Temer, o presidente interino da legenda, Tasso Jereissati, deixou o encontro, na noite desta segunda-feira, afirmando que o desembarque do partido está acontecendo mesmo sem uma definição de seus caciques. No encontro, que teve pizza como prato principal na ala residencial do governo de São Paulo, o partido estabeleceu uma nova condição para decidir sobre se entrega a Temer os ministérios que comanda. Segundo Tasso, é preciso conhecer a posição majoritária da bancada do partido na Câmara antes de tomar uma decisão.

— Essa decisão será discutida após termos definida uma posição da bancada federal. Nós conseguimos identificar (uma tendência) na bancada na CCJ, mas não na bancada (que vai votar) no plenário — afirmou.

Entretanto, pouco antes, o líder do PSDB na Câmara, deputado Ricardo Trípoli, havia dito aos jornalistas na frente de Tasso que existe uma maioria na bancada a favor da admissibilidade da denúncia contra Temer numa votação em plenário.”

Postado originalmente no O Globo – Subtítulo: Amorim Sangue Novo