Deputado Mauro Bragato continua firme e forte

Deputado Mauro Bragato continua firme e forte
bragato alterofilista amorim sangue novo

 

Veja comentário AQUI >>>
OBS.: 1- Gravado em 23/06/16 2-Onde cito PSDB na administração de Panorama entenda-se administração do PPS. 3-Henrique Biffe é prefeito da cidade de Ouro Verde/SP

A CONTRADIÇÃO:
25/06 05:27:00 – Alesp vai declarar perda de mandato do deputado Mauro Bragato >>>

Leia também:
23/06 18:48 – Alesp já toma providências para cassar deputado estadual do PSDB >>>
22/06-18:30 – STF determina trânsito em julgado de ação contra Mauro Bragato >>>

Postagem no Facebook menciona e agradece empenho da assessoria do deputado Bragato

Postagem no Facebook menciona e agradece empenho da assessoria do deputado Bragato

equipe
Na foto no Facebook de Francisco Torturello, assessores e amigos do deputado Bragato

Após verificar postagem na página Tupi Democrático a aproximadamente deis dias atrás o Sem medo da verdade entrou em contato com a assessoria do deputado Mauro Bragato a qual, sempre empenhada em prestar informações, se comunicou com os canais competentes e, dois dias após já obtivemos a resposta.

Quero deixar de pronto meus agradecimentos a todos os assessores e também ao deputado, os quais estão sempre dispostos a nos ajudar.
Agradeço também ao Adriano Fabbro, administrador da página, o qual não poupou elogios ao Sem medo da verdade e coloco-me à disposição para, no possível, deixar os leitores cada dia mais bem informados.

“NÃO DEIXE A POLITICA ACABAR COM O SONHO DA CASA PROPRIA.

No ano de 2013 nossa cidade foi contemplada com uma verba de R$ 13.000.000,00 (treze milhões de reais) para construção de 180 casas populares, e R$ 150.000,00 (cento e cinquenta mil) para a construção da praça do Jardim Gracianópolis, já com inicio para 2014.

Agora no ano de 2016 não se falou mais nada, tudo parado, resolvi buscar e colher informações, tive a ajuda e gostaria de agradecer imensamente meu amigo Amorim do site www.semmedodaverdade.com.br, pois seu empenho foi primordial para as respostas que tivemos, atraves de seus contatos com a assessoria do Deputado Mauro Bragato tivemos a resposta do Diretor Regional da CDHU, Mauro Villanova)

Voltando para relembrar o ano de 2013 tivemos uma acalorada discussão na Câmara dos Vereadores, pois a proposta era vender uma área na cidade de Panorama (Pedreira) que pertence a Prefeitura de Tupi Paulista para comprar uma área aqui em nosso município para construção das casas populares, a venda da Pedreira causou a divisão de opiniões e resultou a não venda da predeira, e assim se arquivou este assunto.

Apos a nossa publicação chegou ao conhecimento das autoridades e recebemos a seguinte resposta:
((- Resposta do Diretor Regional CDHU, Mauro Villanova . A liberação continua ativa. O município deve apresentar a área para a CDHU vistoriar. Mauro Villanova))

Com isso tivemos a certeza que a verba de mais de Treze Milhões ainda esta disponível (ativa) e para que possamos receber precisamos apresentar a area (terreno) e dados tecnicos, e precisamos dos políticos para que a mesma chegue a sua faze de inicio para as obras, pois a não venda da Pedreira se colocou a verdadeira PEDRA sobre o assunto, NÃO BASTA FALAR QUE CONQUISTOU e sim procurar alternativas, temos outras áreas dentro do município que poderia ser colocada a venda e assim comprar uma área única para a construção das casas, hoje ouvimos que a câmara devolveu quase Meio Milhão para a Prefeitura, sera que este dinheiro não poderia voltar para população ou seja na ajuda da compra desta área?

Senhor Prefeito, Vice Prefeito, Vereadores e ate mesmo os Pre Candidatos a Prefeito, estamos falando de conquista para nossa cidade, são 180 casas populares investimento de Treze Milhões, vamos fazer o possível e o impossível para tornar realidade o sonho da casa própria a mais de uma centena de famílias de Tupi Paulista.

Observe que a verba destinada pelo Deputado ainda esta ativa, só depende de vocês agora!!!!”

Projeto do deputado Bragato inclui o Santuário Morada de Deus no Calendário Turístico de São Paulo

Projeto do deputado Bragato inclui o Santuário Morada de Deus no Calendário Turístico de São Paulo

santuárioProjeto de lei nº 171, de 2016

Inclui no Calendário Turístico do Estado as celebrações da Semana Santa realizadas, anualmente, no “Santuário Morada de Deus”, no Município de Álvares Machado.

A ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE SÃO PAULO DECRETA:

Artigo 1º – Ficam incluídas no Calendário Turístico do Estado as celebrações da Semana Santa realizadas, anualmente, no “Santuário Morada de Deus”, no Município de Álvares Machado.

Artigo 2º – Esta lei entra em vigor na data de sua publicação.

JUSTIFICATIVA
O Santuário Morada de Deus pertence à Diocese de Presidente Prudente e está localizado no km 576 da Rodovia Raposo Tavares, SP – 270, na divisa dos municípios de Presidente Prudente e Álvares Machado, ocupando uma área de 82 alqueires de propriedade da Associação Prudentina de Educação e Cultura, mantenedora da Universidade do Oeste Paulista.

O Santuário foi idealizado pelo professor Agripino de Oliveira Lima Filho, ex-prefeito de Presidente Prudente.

Santuário (do Latim sanctuarium, de sanctus), no conceito religioso, é um local sagrado, para onde, por devoção, acorrem peregrinos de diversas regiões. Geralmente possui objetos simbólicos usados no culto. Em algumas denominações religiosas, estes objetos são imagens ou relíquias. Entretanto algumas religiões não adotam o culto de imagens. O termo também pode ser usado em sentido figurado: significa o que há de mais sublime. (Wikipédia)

O santuário retrata numa série de imagens em tamanho natural as cenas da Paixão de Cristo.

A via-crúcis (do latim Via Crucis, “caminho da cruz”) é o trajeto seguido por Jesus carregando a cruz que vai do Pretório até o Calvário. O exercício da via-sacra, como também é chamado, consiste em que os fiéis percorram, mentalmente, a caminhada de Jesus a carregar a Cruz desde o Pretório de Pilatos até o monte Calvário, meditando simultaneamente à Paixão de Cristo. Tal exercício, muito usual no tempo da quaresma, teve origem na época das Cruzadas (do século XI ao século XIII): os fiéis que, então, percorriam, na Terra Santa, os lugares sagrados da Paixão de Cristo, quiseram reproduzir, no Ocidente, a peregrinação feita ao longo da Via Dolorosa em Jerusalém. O número de estações, passos ou etapas dessa caminhada foi sendo definido paulatinamente, chegando à forma atual, de quatorze estações, no século XVI. O Papa João Paulo II introduziu, em Roma, a mudança de certas cenas desse percurso não relatadas nos Evangelhos por outros quadros narrados pelos evangelistas. A nova configuração ainda não se tornou geral. O exercício da via-sacra tem sido muito recomendado pelos Sumos Pontífices, pois ocasiona frutuosa meditação da Paixão do Senhor Jesus. (Wikipédia)

No Santuário, após o pórtico de entrada, estão representadas as 15 estações da via-crúcis, num percurso de quase 3 quilômetros. Na Semana Santa, o Santuário chega a receber cerca de 5 mil fiéis de toda a região, que perfazem o trajeto da via-sacra em romaria que é encerrada com missa.

A principal construção do santuário é a igreja Jesus de Nazaré, com cerca de 50 metros de altura e capacidade estimada para mais de 300 pessoas. A igreja é inteiramente decorada por vitrais com cenas religiosas. Em seu topo há uma imagem de Jesus com 8 metros.

Está sendo construído junto ao estacionamento um refeitório, para oferecer a estrutura necessária para receber os visitantes.

Por se tratar de um importante local de visitação religiosa, o Santuário Morada de Deus merece ser incluído na agenda Turística do Estado de São Paulo

Sala das Sessões, em 15/3/2016.

  1. a) Mauro Bragato – PSDB