Inteligente, Alckmin não quer PSDB nos protestos

aécio duplo amorim

Inteligente, Alckmin não quer PSDB Uma vez que o movimento é para pedir o impecheament de presidenta Dilma, vejo uma incoerência muito grande do mau perdedor nas urnas, Aécio Neves que é também o presidente nacional do PSDB apoiar o movimento, uma vez que ele mesmo disse ser contra o impeachment.

Aécio mostra ser o menino mimado que sempre citei que quando deixa de ganhar um brinquedinho chora e esperneia, sendo que desta vez o “brinquedinho” que ele pretende é a presidência do Brasil, esquecendo que há uma linha de três sucessores e um possível pelas forças armadas, uma vez que Eduardo Cunha (PMDB), presidente da Câmara de Renan Calheiros (PMDB), presidente do Senado já estão as cabeças sendo pedida pela maioria dos eleitores.

Diferente de Aécio, Alckmin rechaça PSDB em protestos

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB-SP), negou que o PSDB tenha relação com as manifestações contra a presidente Dilma Rousseff marcadas para este domingo (15); para ele,  o movimento é espontâneo;  “Vai quem quiser. É da sociedade civil”; a declaração do governador acontece um dia após o senador e presidente nacional do PSDB, Aécio Neves, declarar o apoio do partido aos protestos

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB-SP), negou que o PSDB tenha relação com as manifestações contra a presidente Dilma Rousseff marcadas para este domingo (15). Segundo Alckmin, as manifestações são “extremamente legítimas, espontâneas e que só fortalecem a democracia”. A declaração do governador acontece um dia após o senador e presidente nacional do PSDB, Aécio Neves, declarar o apoio do partido aos protestos.

Para Alckmin, o movimento é livre à participação da população. “Vai quem quiser. É da sociedade civil”, disse. Segundo Alckmin, a Polícia Militar de São Paulo irá garantir a segurança das manifestações para evitar a infração de vândalos entre os participantes do ato.

“As manifestações são extremamente legítimas, espontâneas, impressionante isso, absolutamente franco das ruas, da vontade das pessoas, e só fortalece a democracia. O que nós temos que fazer é garantir a segurança de todos e evitar a infiltração de vândalos”, afirmou.

Postado no Brasil 247