Evandro Gussi poderá perder mandato por crime de desobediência e prevaricação

Além de Gussi os líderes partidários que fazem parte da lista são: Baleia Rossi (PMDB), Arthur Lira (PP), Eros Biondini (PROS), Efraim Filho (DEM), Cleber Verde (PRB), Aureo (Solidariedade), Professor Victório Galli (PSC), Marcos Montes (PSD), Aelton Freitas (PR), Ricardo Tripoli (PSDB), Tereza Cristina (PSB) e Arnaldo Jordy (PPS)

“STF manda apurar demora em ação contra Temer na Câmara

Marco Aurélio Mello determina que Ministério Público Federal investigue motivo pelo qual comissão de impeachment ainda não foi instalada

O ministro Marco Aurélio, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou nesta quinta-feira, 20, que o Ministério Público Federal (MPF) apure a demora na instalação da Comissão do Impeachment do presidente Michel Temer na Câmara. O colegiado foi criado há mais de um ano, mas não tem o número suficiente de membros para funcionar. Os deputados que ainda não fizeram as indicações poderão ser investigados por crime de desobediência e prevaricação.

No mandado de segurança do advogado mineiro Mariel Marley Marra ao Supremo, acatado por Marco Aurélio, ele pede que o MPF noticie os parlamentares. (…)

A Comissão foi criada em 5 de maio do ano passado por ordem de Marco Aurélio. Apenas nove partidos indicaram 16 membros do órgão. A comissão deve ter 66 integrantes e, para funcionar, precisa de metade mais um.

Marco Aurélio determina que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), seja notificado de sua decisão e receba uma cópia do documento. Se o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, identificar a prática de crime pode pedir abertura de inquérito no STF. As penas para desobediência ou prevaricação podem resultar na perda de mandato. Procurada, a assessoria da Câmara informou que a presidência da Casa ainda não havia sido notificada.”

Da redação com, Estadão – Título e subtítulo Amorim Sangue Novo

Vereador de Panorama lança vídeo repudiando afiliada da Globo

Foto: Arquivo do Jornal Digital Panô City

O vereador e presidente da Câmara Municipal da cidade de Panorama, Edemir Vermelho do PSDB, através de vídeo que está sendo distribuído nas redes sociais e chegou a té a nossa redação, demonstra seu repúdio a nota lançada pela TV Fronteira, afiliada da Rede Globo para a região de Presidente Prudente, na última quinta, (20)

Veja vídeo que deu origem ao comentário do vereador Vermelho clicando aqui >>>

Veja também:
Câmara de Panorama autoriza uso de carro particular do prefeito a serviço do município
>>>

Leia abaixo o Projeto que não foi aprovado pelos vereadores Luiz Estevão Duarte (Luiz Cabrito)/PSB e Ricardo Delmore/PPS na íntegra:

PROJETO DE LEI Nº 012/17 DE 17 DE ABRIL DE 2017

Concede autorização ao Chefe do Executivo Municipal para utilização de veículo particular a serviço do município.

Dr. GIULIO CESAR LIMA PIRES, Prefeito do Município de Panorama,  Estado de São Paulo,  usando das atribuições que lhe são conferidas por Lei, etc;

Faz saber que a Câmara Municipal de Panorama, decreta e ele promulga a seguinte Lei:

Art. 1º –  Fica o Chefe do  Executivo Municipal  autorizado  a  utilizar   o  veículo de uso particular,    marca/modelo   I/ TOYOTA HILUX CDSRVA4FD,   ano/modelo            2016/2017,  Renavam  01105885132,  Placas GIZ 4960,  chassi 8AJHA8CD2H2588723,  a serviço do município.

Art. 2º)–  Fica autorizado ainda o  abastecimento,  manutenção e  seguro  total  do veículo acima mencionado.

Art. 3° –  Caso a Prefeitura Municipal venha a adquirir  um  veículo  para  uso  do Chefe do Executivo Municipal, fica cancelada esta autorização.

Art. 4º)-  Revogadas   as  disposições   em  contrário, esta  Lei  entrará em vigor na data   de sua  publicação.

Município de Panorama, 17 de abril de 2.017.

                                Dr. Giulio César Lima Pires

Prefeito Municipal