Julgamento ao vivo no TSE da chapa Dilma-Temer

O Tribunal Superior Eleitoral volta a julgar a ação que pode cassar o mandato de Temer.


O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) retoma a partir das 19h (horário de Brasília) desta terça-feira, 6 de junho, o julgamento da chapa que elegeu Dilma Rousseff e Michel Temer nas eleições para a Presidência em 2014. A ação, protocolada pelo PSDB com base nas investigações da operação Lava Jato, pede a cassação da chapa Dilma-Temer e pode resultar na perda de mandato do atual presidente da República. Os sete ministros do TSE reservaram, inicialmente, quatro sessões para julgar o caso, entre esta terça e a quinta-feira, 8 de junho, mas o julgamento pode tanto ser adiado quanto se prolongar para mais dias. A Corte chegou a começar a julgar a ação em abril, mas o julgamento foi adiado. O relator da ação é o ministro Herman Benjamin.