Goleiro Bruno recebe proposta de nove clubes, incluindo dois da Série A

De acordo com o advogado Lucio Adolfo da Silva, a carreira dele vai voltar a decolar dentro de oito a dez dias

Uma semana após obter liminar deferida pelo ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), e deixar a Associação de Proteção e Assistência aos Condenados (Apac), em Santa Luzia, Minas Gerais, Bruno está muito perto de voltar ao futebol. Nove clubes do Brasil já demonstraram interesse em contratar o goleiro, considerado culpado pelo homicídio, sequestro e cárcere privado da modelo e ex-namorada Eliza Samudio. Seriam três cariocas, três mineiros, dois paulistas e um de Brasília.

“Dois desses clubes disputam a Série A do Campeonato Brasileiro”, garantiu Lucio Adolfo da Silva, advogado de Bruno, admitindo, porém, que o Brasiliense deve ser o destino mais provável do jogador. A contratação de Bruno teria sido um pedido do próprio presidente do clube candango, o ex-senador Luiz Estevão, preso após ser condenado em 2006 a 31 anos por crimes de corrupção.

De acordo com o advogado, a carreira de Bruno vai voltar a decolar dentro de oito a dez dias. Ele, inclusive, vislumbra um futuro vencedor para o cliente e não acredita na possibilidade de o habeas corpus ser cassado e de Bruno voltar à cadeia.

“Acho essa possibilidade muito difícil, quase impossível. Tecnicamente até pode ser viável, mas eu não creio que isso aconteça”, frisou.

Lucio Adolfo minimiza o fato de Bruno ter um compromisso assinado com o Montes Claros, clube de Minas Gerais, com validade de 2014 a 2019, e que, no momento, está fechado devido a dificuldades financeiras.

“A solução em relação ao Montes Claros é simples. O Bruno nunca jogou pelo clube, nunca assinou um contrato e nunca recebeu um salário. Ele nem sequer recebeu uma visita do presidente do Montes Claros (Ville Mocelim)”, ressaltou o advogado, que evitou dar outros detalhes sobre os demais clubes interessados no goleiro que brilhou no Flamengo.

Postado originalmente no O Dia

 

 

Sobre Amorim Sangue Novo

Amorim Sangue Novo, é jornalista--Mtb/SP 59858, contador-CRC/SP 842.156 e especialista em hardware (Desenvolvedor Microsoft). Foi colunista no jornal interno da Lion/Caterpillar, criou e foi redator chefe do jornal interno da Adubos Vianna e é Ex-Diretor de Trânsito na cidade de Panorama. Diretor na Amorim Informática e Jornalismo. atua como editor dos sites Jornal Digital Panô City -www.panocity.com.br- e Sem medo da verdade -www.semmedodaverdade.com.br- e mantém páginas em diversos outros sites e blogs.
Esta entrada foi publicada em Amorim Sangue Novo. Adicione o link permanente aos seus favoritos.