Cada um em seu lugar

Cada um em seu lugar

Foto do site O Tempo

Por Ricardo Corrêa

Com o apoio decisivo do governo do qual é fiador, o senador Edison Lobão (PMDB-MA), alvo de dois inquéritos por suspeita de corrupção na Lava Jato e de outros dois em desdobramentos da operação, relativos à cobrança de propina em Belo Monte, está no comando da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado junto com outros nove investigados e dois citados em delações. *Onde está o Movimento Brasil Livre (MBL)?*

Eduardo Braga, também membro da comissão e citado por delatores da Andrade Gutierrez como receptor de propina quando era governador do Amazonas, está na relatoria da indicação do ministro Alexandre de Moraes ao STF. *Onde estão os Revoltados Online?*

Romero Jucá, alvo de três inquéritos no STF e responsável pela já célebre frase sobre a necessidade de “estancar a sangria” em relação à Lava Jato, não apenas faz parte da CCJ como é o líder do governo Temer no Senado. *Onde está o Movimento Brava Gente?*

Moreira Franco, ainda que se tenha tornado um ministro vaga-lume por conta da guerra de liminares ao longo dos últimos dias, tem o apoio do Planalto para garantir foro privilegiado, em uma afronta à Lava Jato. Citado nas delações da Odebrecht, está na Esplanada dos Ministérios, tomando decisões sobre os rumos do país. *Onde está o Vem Pra Rua?*

Eunício Oliveira, acusado por um ex-executivo da Odebrecht de ter recebido R$ 2,1 milhões em recursos para facilitar a aprovação de uma medida provisória de interesse da empreiteira e apontado por Delcídio do Amaral como beneficiário de propina paga por laboratórios e seguradoras em troca da nomeação de diretores da Agência Nacional de Saúde (ANS), está na presidência do Senado. *Onde estão os Patriotas?*

O deputado Rodrigo Maia, acusado de receber R$ 100 mil pelo delator Cláudio Melo Filho para quitar despesas de campanha e citado em inquérito da Polícia Federal por defender interesses da empreiteira OAS em troca de propina de R$ 1 milhão, está na presidência da Câmara. *Onde está o Avança Brasil?

Arthur Maia, deputado federal apontado em acordo de executivo da Odebrecht por ter recebido R$ 250 mil não declarados da empresa em sua campanha, além de ser beneficiário de doações legais de bancos e seus braços previdenciários, está justamente na relatoria da reforma da Previdência. *Onde está o Movimento Endireita Brasil (MEB)?*

Carlos Marun, o mais fiel de todos os aliados do ex-deputado e hoje detento provisório Eduardo Cunha e que usou dinheiro público para visitar o amigo no Complexo Médico-Penal em Curitiba, está no comando da comissão da reforma que irá mudar as regras para a aposentadoria dos brasileiros. *Onde está o Nas Ruas?*

Michel Temer, citado 43 vezes na delação da Odebrecht, acusado pelo antigo aliado Eduardo Cunha de mentir em depoimento à Justiça, quando negou a realização de uma reunião para cobrar cargos na Petrobras, e responsável por todas as indicações e escolhas descritas acima, além da nomeação de outros delatados na Esplanada, está na Presidência da República. *Onde estão as Mulheres da Inconfidência?*

*Nas ruas, ninguém está.*

Postado originalmente em O Tempo

Sobre Amorim Sangue Novo

Amorim Sangue Novo, é jornalista--Mtb/SP 59858, contador-CRC/SP 842.156 e especialista em hardware (Desenvolvedor Microsoft). Foi colunista no jornal interno da Lion/Caterpillar, criou e foi redator chefe do jornal interno da Adubos Vianna e é Ex-Diretor de Trânsito na cidade de Panorama. Diretor na Amorim Informática e Jornalismo. atua como editor dos sites Jornal Digital Panô City -www.panocity.com.br- e Sem medo da verdade -www.semmedodaverdade.com.br- e mantém páginas em diversos outros sites e blogs.
Esta entrada foi publicada em Amorim Sangue Novo, Opinião, Política e marcada com a tag , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.